Blog Curiosidades Indústria

Animes em que o protagonista morre

©White Fox/Takahiro & Tetsuya Tashiro | “Oh God, please, no. No…”

Fala pessoal, tudo certo com vocês? Eu sou o Éder Rodrigues, e sejam bem-vindos a mais um post no Café Stile. Protagonista… uma palavra que soa um tanto como empoderada. Que sempre vai conseguir sair de todas as situações e sempre irá ganhar certo?

Errado. Existem animes os quais o personagem principal morre. Dito isso, hoje falaremos sobre os animes em que o protagonista não se dá muito bem.

Lembrando que, já que estou falando de morte de personagens, este post terá spoilers. Está avisado e leia por sua conta em risco, beleza? Você que não liga para spoilers, venha chorar comigo, quero dizer, acompanhar comigo. Então, sem mais enrolação, vamos lá!


5. Assassination Classroom (Koro Sensei)
©Lerche/Yuusei Matsui | “Não se vá..”
Sad but true

O que dizer da morte de Koro Sensei em Assassination Classroom? Para aqueles que não estão familiarizados com a sua história, ele se concentra na Classe 3-E. Considerada a classe mais baixa do Kunugigaoka Junior High (e recebe tratamento ruim de professores e alunos por causa disso).

Eles acabam recebendo um novo professor, que é uma coisa enorme, amarela e parecida com polvo. Capaz de velocidade Mach 20 e, como se diz, destruição em massa. Ele é aparentemente responsável pela recente destruição da lua. Afirma estar destruindo a Terra no próximo ano, mas primeiro, ele quer ensinar a Classe 3-E. Assim, a turma tem a atribuição de matar essa coisa, agora chamada de Koro-sensei; por graduação, e eles ganharão a recompensa de 10 bilhões de ienes por sua cabeça se fizerem isso.

Quando olhamos para o Koro Sensei, vemos um exímio personagem comédia. Onde as situações as quais ele passa e o que é ensinado para os alunos, é algo absurdo e ao mesmo tempo engraçado. Porém, Koro-sensei não estava apenas ensinando coisas novas aos seus alunos. Ele também ensinou coisas novas aos fãs, mesmo que não percebêssemos isso.

Como rir, aprender e desenvolver. Sempre criar espaço para melhorar, ser inspirado, desafiar a si mesmo e, o mais importante, usar todo o seu potencial.

©Lerche/Yuusei Matsui | “Não, não velho..”
O mundo não é um grande arco-íris

E depois de todo o ensinamento de como matá-lo naquela classe, eis que chega o momento derradeiro, e nossa como é emocionante. Após uma série de acontecimentos, Koro Sensei cai no chão em colapso. E ele diz para seus alunos, que, aquele momento, é a hora da classe matá-lo. Nagisa (que é uma protagonista da obra também), que escolheu dar o golpe mortal, fica bastante emocionada.

Ao mesmo tempo, Koro Sensei, suavemente, coloca um tentáculo em seu rosto e diz que ele quer que Nagisa o mate com um belo sorriso no rosto. Depois de se despedirem,  Koro Sensei é esfaqueado no coração e o seu corpo emanta em inúmeras partículas de luz. Sem dúvidas, foi uma cena muito emocionante. Por toda a construção dos personagens da classe e,  principalmente, seu professor.


4. School Days (Makoto)
©TNK /Tome Okada | “Morte a Makoto… morte a Makoto”

O que dizer desse anime doentio chamado School Days? Principalmente, sobre o protagonista Makoto. Que desgraçado velho, que ódio desse moleque. Vou ser sucinto nesta, pois se quiser saber mais detalhes da obra, tem uma review do anime, que você pode acessar clicando aqui.

Brincadeiras à parte, esse anime pode ser considerado uma série decente para outras pessoas, mas eu realmente odiei isso. Tudo começou bem, algumas risadas, um triângulo amoroso um tanto interessante entre Makoto, Kotonoha e Sekai. Resultando na coisa típica de “garota idiota que ajuda o cara que ela ama a ter outra garota”. E embora toda a história do triângulo amoroso não fosse única ou algo assim, era divertida.

F*deu tanto que no final se f*deu.

Foi legal no começo ver esse pervertido falhar em conseguir uma garota. O problema foi quando se tornou mais um hexágono de amor – e as coisas desceram a partir daí. A história tornou-se previsível e difícil de assistir. A única coisa boa que posso dizer sobre esta série, foi o tema que apresentou aos espectadores: valorizar o que você tem.

©TNK /Tome Okada | “Não acredito nisso”

Mas após uma série de eventos, Makoto é morto por Sekai a facadas em sua casa, por ela se sentir traída pelo fato dele ter ficado com todas as garotas possíveis no anime. E como se isso não bastasse, Kotonoha, que já não batia muito bem da cabeça, pira ainda mais quando encontra ele morto no chão. Ela mata Sekai e com a faca; arranca a cabeça de Makoto e leva com ela em um barco, dizendo que vão ficar juntos para sempre.


3. Code Geass (Lelouch)
©Sunrise/Gorou Tanigushi, Ichiro Okouchi & Majiko! | “O maluco é brabo”

Que Code Geass dispõe de uma grande base de fãs, não temos dúvidas. Mas acho que até mesmo os fãs que acompanharam a obra naquela época não esperavam o que iria acontecer no final. Para quem não conhece a história do anime, no ano de 2010, o Império Sagrado da Britânia está se estabelecendo como uma nação militar dominante; começando com a conquista do Japão. Renomeado para a Área 11 após sua rápida derrota, o Japão viu uma resistência significativa contra esses tiranos em uma tentativa de recuperar a independência.

Lelouch Lamperouge, um estudante britânico, infelizmente, se vê envolvido em um fogo cruzado entre as forças armadas rebeldes da Britânia e Área 11. Ele é capaz de escapar, no entanto, graças ao aparecimento oportuno de uma garota misteriosa chamada CC, que concede a ele Geass: o “Poder dos Reis”. Percebendo o vasto potencial de seu recém-descoberto “poder de obediência absoluta”, Lelouch embarca em uma jornada perigosa como o vigilante mascarado conhecido como Zero. Liderando um impiedoso ataque contra a Britânia para se vingar de uma vez por todas.

©Sunrise/Gorou Tanigushi, Ichiro Okouchi & Majiko! | “Faleceu”
Complexo

Lelouch, com os seus ideais, acaba por se tornar uma espécie de ditador, apesar de suas intenções serem tecnicamente boas. Mas parece que o poder sobe a sua cabeça e ele acaba por ser perverso. Porém, após uma série de eventos (que ficaria bem difícil explicar aqui no post, pois tem muita informação), Lelouch é morto por Zero. Personagem criado pelo próprio Lelouch.

Só que tudo foi orquestrado pelo próprio Lelouch, desde a “morte” da Nunnally, que é a sua irmã. Ele fez toda essas coisas e se tornou um grande ditador para que as pessoas concentrassem a sua raiva nele. E o Zero seria o herói, por libertar as pessoas deste ditador. E quem era o Zero? Bem o Zero na verdade era o Suzaku, que pensávamos que havia morrido na batalha contra a Kallen. Code Geass é um anime complexo e é difícil resumir a morte do Lelouch. Espero que entendam que tive que ser bem sucinto, se não daria um texto gigantesco.


2. Death Note (Light Yagami)
©Madhouse/Tsugumi Ohba | “Perdeu o olho aqui, xará?”

Death Note é uma obra bastante cultuada não somente no Brasil; como no mundo. O que fez até a Netflix fazer uma adaptação Live Action, que bem, não é lá muito boa, mas enfim. Vamos a um resumo do anime. Um shinigami, como um deus da morte, pode matar qualquer pessoa – desde que eles vejam o rosto da vítima e escrevam o nome dela em um caderno chamado Death Note. Um dia, Ryuk, entediado com o estilo de vida dos shinigamis; e interessado em ver como um humano usaria o Death Note, cai no reino humano.

Aluno do ensino médio e prodígio, Light Yagami tropeça no Death Note e – já que ele deplora o estado do mundo – testa o caderno mortal escrevendo o nome de um criminoso nele. Quando o criminoso morre após seu experimento com o Death Note, Light fica muito surpreso e rapidamente reconhece como poderia ser devastador o poder que caiu em suas mãos.

Prosseguindo

Com essa capacidade divina, Light decide extinguir todos os criminosos para construir um novo mundo . Onde o crime não existe e as pessoas o adorariam como um deus. A polícia, no entanto, descobre rapidamente que um serial killer está atacando criminosos e, consequentemente, tenta prender o culpado. Para fazer isso, os investigadores japoneses contam com a assistência do melhor detetive do mundo: um jovem e excêntrico conhecido apenas pelo nome de L.

Light lembra muito o Lelouch; no sentido de mudar aquele mundo e expurgar toda aquele mau que paira no lugar. Porém, assim como Lelouch, Light acaba por deixar o poder subir à sua cabeça.

©Madhouse/Tsugumi Ohba | “Que morte meus amigos”

Porém, no final do anime, todo seu plano é descoberto por Near, um dos aprendizes de L. E, após uma luta com os policiais, ele toma alguns tiros e acaba por parar em uma escada, quase morto. Aí vem Ryuk, seu fiel “escudeiro” dono do Death Note. Após um discurso, ele escreve o nome de Light no caderno, pondo, assim, um fim na vida de Yagami. Essa cena é bastante bonita, tecnicamente falando, e com toda certeza, merece estar nesta lista.


1. Akame Ga Kill (Tatsumi)
©White Fox/Takahiro & Tetsuya Tashiro | “Grande Tatsumi”

E para encerrar com chave de ouro, vamos falar aqui do personagem que me fez fazer esta lista. Night Raid é o ramo secreto de assassinato do Exército Revolucionário. Reunido para derrubar o primeiro-ministro Honest, cuja avareza e cobiça pelo poder o levaram a tirar proveito da inexperiência do imperador infantil. Sem um líder forte e benevolente, o resto da nação é deixado para se afogar na pobreza, no conflito e na ruína.

Embora os membros do Night Raid sejam todos matadores experientes, eles entendem que tirar vidas está longe de ser louvável e que eles, provavelmente, enfrentarão retribuição ao eliminar impiedosamente qualquer um que esteja no caminho da revolução.

Entre o novo bando de membros mais novos dos assassinos está Tatsumi. Um menino ingênuo de uma aldeia remota que embarcou em uma jornada para ajudar sua empobrecida cidade natal e foi conquistado não apenas pelos ideais do Night Raid, mas também por sua determinação. A história segue com Tatsumi enquanto ele luta contra o Império e fica cara a cara com armas poderosas, assassinos inimigos, desafios à sua própria moral e valores e, em última análise, o que realmente significa ser um assassino com uma causa.

Aí você deve estar se perguntando: “ah, mais o protagonista do anime não é o Tatsumi, é a Akame, por que se fosse Tatsumi, o nome do anime seria “Tatsumi Ga Kill” e não Akame Ga Kill”. Velho, a Akame tem o seu momento, porém, o Tatsumi é o que dispõe o maior destaque. Só os últimos três episódios possuem um foco enorme na Akame, então sem “mimimi” hein.

©White Fox/Takahiro & Tetsuya Tashiro | “Incursio transformada em Super Saiyajin”
Continuando

O crescimento do Tatsumi durante o anime é muito interessante, partindo do pressuposto que ele já era um guerreiro, tecnicamente falando. E ele treina cada vez mais para se tornar poderoso e conseguir ajudar a sua vila; que é bem pobre. Ele consegue realizar o seu sonho, porém, ao custo de sua vida; em uma batalha contra a arma imperial do rei, manipulado pelo ministro, que, parece um robô gigante, lembrando um megazord dos Power Rangers. Com a ajuda de um dos integrantes dos Jaegers (facção rival a serviço do império), Wave auxilia Tatsumi, já que esta arma está matando muitas pessoas inocentes.

Com seu poder elevado ao máximo contra a arma imperial do rei, Tatsumi, com sua Incursio, acaba por derrotar e eliminá-la. Porém, após impedir mais pessoas inocentes de morrerem por conta da queda do robô, ele eleva ainda mais seu esforço. Após isso, acaba morrendo pelos ferimentos e seu esforço acima dos limites.


E você? O que achou dessa lista? Concorda? Discorda? Comenta aqui embaixo. Lembrando que se vocês quiserem, podemos ter uma parte dois desse tópico. Então, comentem aqui, beleza galera? Grande abraço pessoal, valeu!

Posts relacionados