Análises Semanais Blog

Demon Slayer | Episódios 11 e 12: insanidade relâmpago!

Demon Slayer
©Ufotable/Gotouge Kiyoharu | “É cada figura que aparece…”

Demon Slayer | Episódio 11 – A mansão do tsuzumi <> Episódio 12 – O javali mostra as presas, enquanto Zenitsu dorme

Uma nova missão inicia e os grandes destaques são as apresentações de Zenitsu (que apareceu em flashs no arco da admissão) e também do misterioso “cabeça de javali”. Não há como deixar de fazer essa comparação, pois a personalidade de Zenitsu me lembrou muito a do Asta, vulgo protagonista de Black Clover, gritaria, gritaria, casa comigo!!!!

Zenitsu: a linearidade entre ser irritante e ser insano

A gritaria do Zenitsu é engraçada, mas está sempre muito presente (sério, ele está sempre gritando), não é algo que incomode a mim, pessoalmente falando, soa irritante? Sim, mas dá para relevar. Entretanto, é inegável que existem pessoas que não suportam esse tipo de personagem; conheço gente que chegou a “dropar” Black Clover devido a gritaria do Asta, por exemplo.

Felizmente, o roteiro conseguiu amenizar o que parecia ser um personagem inútil com uma atitude muito insana, basicamente, Zenitsu protagonizou aquele típico momento épico de ficar vendo e revendo. Todavia, o que dá para perceber é que, aparentemente, outra personalidade dele assume o controle do corpo para entrar em combate, já que o Zenitsu “principal”, se assim podemos chamar, ainda é aquele “bobalhão”.

Quero ver como vão conseguir trabalhar esses momentos com ele daqui para frente, principalmente, em batalhas mais arriscadas.

Demon Slayer
©Ufotable/Gotouge Kiyoharu | “Aham, senta lá!”
O cabeça de Javali e o sangue raro 

Esse personagem (o cabeça de javali) é mais insano que o Zenitsu no “insane mode”, quero ver como ele vai conseguir ter uma convivência com a trupe do Tanjiro (já que é isso que a opening dá indícios), de toda forma, a leitura que temos dele é que tal dispõe de muita força.

Outra coisa interessante é a comoção dos onis para pegar humanos com “marechi”, que, como o corvo inconveniente do Tanjiro mesmo disse, define alguém com sangue raro. Em outras palavras, acho que essa questão dos tipos de sangue será fundamental para explicar coisas mais para frente.

Demon Slayer
©Ufotable/Gotouge Kiyoharu | “Tomei um susto na hora que o corvo apareceu do nada…~~”
Tanjiro e Nezuko mais ausentes 

De fato, os irmãos foram o destaque do arco passado, porém, Nezuko nem sequer apareceu nesses dois episódios, e Tanjiro anda meio “apagado” devido a suas lesões (me surpreende ele estar andando com uma perna e com uma costela quebrada). Sem eficiência na luta (até aqui), o gancho deixado para o episódio seguinte foi ótimo, só espero que não “forcem muito a barra” para ele ganhar.

Em linhas gerais, dois bons episódios, show de animação, e um roteiro mais atraente. O Zenitsu e o cabeça de javali deram um “boost” no elenco, e quando se juntarem a Nezuko, acredito em uma sinergia melhor ainda.

Nota: A – Brownie de chocolate com calda de caramelo
Não sabe o significado das nossas avaliações? Descubra aqui: Menu de Notas.


Demon Slayer
©Ufotable/Gotouge Kiyoharu | “Esses episódios recebem o selo Tanjiro bolado de qualidade!”

Demon Slayer está em simulcast pelo serviço de streaming Crunchyroll.
Leia as outras análises semanais desse anime: Demon Slayer.

Posts relacionados