Animes Blog Curiosidades Indústria

No Game No Life: o que faz da obra uma boa adaptação?

©Madhouse/Yuu Kamiya

Olá!! Bem vindo a sua cafeteria. No cardápio de hoje, temos um assunto peculiar, afinal, falaremos de uma adaptação muito amada: No Game No Life.

Personagem e enredo

A obra traz personagens memoráveis, seja pelos atributos físicos ou pela sua personalidade marcante. Dando um exemplo aqui, temos o Sora. Um humano comum, assim como qualquer outro personagem; com cores marcantes e vivas. A personalidade dele evolui com o tempo, assim como todos os outros personagens. Então… qual é o seu diferencial? É simples. Ele é bobo, um humano e um “tarado”, mas tem uma forte personalidade, além de escolhas racionais; comparado com os outros humanos.

©Madhouse/Yuu Kamiya

Quanto ao enredo, é muito atrativo: uma história que traz emoção e um propósito bem-explicado. Eu já li boa parte da Light Novel, e digo a vocês… é uma adaptação perfeita até nas falas. A descrição, em termos de cenário, e detalhes; é ótima. As cores são uma coisa bem marcante em NGNL, afinal, até mesmo na Light Novel dispomos de cores vibrantes. E no anime não foi diferente. Mas, eles conseguiram deixar de um jeito que não dói os olhos ou de um modo mais suave, por assim dizer.

Segunda Temporada
©Madhouse/Yuu Kamiya

Existe uma grande possibilidade de que isso aconteça, mas dependemos muito do Madhouse para isso. Vimos que NGNL Zero foi um sucesso. Tudo o que precisamos agora é de um anúncio do estúdio, e aquele trailer lindo.

Temos material, temos audiência, temos o Hulk, temos a Shiro, temos vendas por parte de Light Novels, DVDs, temos a Shiro… Já falei que temos a Shiro? Piadas a parte. É um anime maravilhoso, uma ótima adaptação, e que só geraria lucro para  Madhouse.

©Madhouse/Yuu Kamiya

E vocês? O que acham? Foi ou não uma boa adaptação? Digam nos comentários! Bom, chegamos ao fim dessa refeição. Deixe abaixo o que achou deste prato. Mais uma coisa, antes que eu me esqueça; “Aschente!”

Posts relacionados