Animes Blog Curiosidades

Pokémon: fatos e curiosidades sobre a região de Kanto

    ©OLM/Satoshi Tajiri | “Olha só, que maravilha”
Um pouco sobre a região

Kanto é a primeira região introduzida no mundo Pokémon. Esta região é lar de muitos Pokémon, possuindo uma rica história de criação de Pokémon com tecnologia. Sem dúvidas, é uma região bastante rica em curiosidades. Estão preparados para isso, crianças? Eu não ouvi direito? Brincadeiras à parte, vamos para fatos e curiosidades sobre a região de Kanto.

1. Conexão com a vida real (fato)
©Nintendo/Satoshi Tajiri

Kanto é a única região do mundo Pokémon que compartilha igualmente seu nome com a região do mundo real em que foi baseado, que também se chama Kanto, uma das regiões geográficas de Honshu, a maior ilha do Japão.

2. Kanto em dose dupla (curiosidade)
©OLM/Satoshi Tajiri

 

©OLM/Satoshi Tajiri

Kanto é a única região no anime explorada duas vezes por Ash Ketchum; para propósitos diferentes: na primeira vez, foi para conquistar as insignias de ginásio e, consequentemente, a Liga Pokémon. Já a outra vez foi após os eventos de Hoenn, para a disputa da Batalha da Fronteira.

3. Fósseis são comigo mesmo (curiosidade)
©OLM/Satoshi Tajiri | “E toma-lhe fósseis”

Kanto detém o maior número de fósseis das sete regiões introduzidas, dispondo três fósseis. Das outras regiões, Hoenn, Sinnoh, Unova e Kalos têm dois, enquanto Johto e Alola não têm nenhum.

4. Conexão sem fronteiras (curiosidade)
©Nintendo/Satoshi Tajiri/ “Maneirão hein”

Kanto (à direita da montanha) e Johto (à esquerda) são as únicas regiões do mundo Pokémon, até o momento, que estão interconectadas por terra.

5. Cidades multi-coloridas (fato/curiosidade)
©OLM/Satoshi Tajiri/ Cidade de Pewter

As dez localidades principais da região de Kanto fazem referências à cores que nós conhecemos. Começamos pela Cidade de Pallet, que nos remete à paleta, que é uma chapa de madeira, louça ou plástico sobre a qual os pintores dispõem e combinam as tintas e cores enquanto pintam (que é total referência à cor).

Cidade de Viridian, faz menção a viridiano, um pigmento azul-verde; Pewter, que é uma liga de metal maleável, também corresponde à cor cinza-azulado; Cerulean é uma cor que varia entre o azul comum e um azul celeste mais escuro (é confuso, não é mesmo?). Vermilion remete à cor vermelha mais alaranjada.

Lavender significa lavanda, que é um roxo mais claro. Celadon nos remete à cor verde-jade esmaltada das peças de cerâmica da Ásia. Fuchsia, que também é chamada de magenta, é uma cor-pigmento primária e cor-luz secundária resultado da mistura das luzes azul e vermelha. Saffron é uma cor basicamente laranja, remetendo à especiaria Açafrão. E a ilha de Cinnabar, que remete a Cinábrio ou a Cinnabarite, que é uma escarlate brilhante de cor vermelho-tijolo do Sulfeto de Mercúrio.

Então galera? Gostaram dos fatos e curiosidades da região de Kanto? Deixem seus comentários sobre o que você gostaria de saber sobre Pokémon. Grande abraço, valeu, falou e.. Pokébola, vai!!!

Posts relacionados