Animes Blog Reviews

Review: Dungeon ni Deai wo Motomeru no wa Machigatteiru Darou ka?

©J.C. Staff/Fujino Ōmori
Dungeon ni Deai o Motomeru no wa Machigatteiru Darou ka? – Descrição técnica

Diretor: Yoshiki Yamakawa
Autor original: 
Fujino Ōmori
Estúdio: 
J.C. Staff
Adaptado de: 
Light Novel
Gênero: Aventura, Comédia, Drama, Fantasia, Romance

Personagens
©J.C. Staff/Fujino Ōmori

DanMachi tem diversos personagens bons, tanto em utilidade quanto em personalidade; começando pelo protagonista, Bell Cranel. Ele tem uma personalidade forte, além de conseguir evoluir mais rápido do que qualquer outro; consegue o Rank S em todas as habilidades, ainda no nível um. É um personagem que você vê a coragem de longe, afinal, ele fez coisas absurdas sendo do nível 1. Exemplo, quando ele consegue as Adagas de Hephestos e ataca um macaco do tamanho de um prédio.

Também temos Hestia; mesmo parecendo inútil tem uma relevância notável. Ela sempre está ao lado de Bell, sempre o apoiando em tudo que faz, mesmo que ela não lute nem nada do tipo –  ela da um ótimo apoio psicológico ao rapaz.

Também temos Liliruca Arde, Welf Crozzo, Ais Wallenstein, Ryu Lion, entre outros. Todos tem uma importância, todos tem relevância, até mesmo o avô de Bell que é um personagem de apenas uma fala; um flashback momentâneo.

Análise técnica
©J.C. Staff/Fujino Ōmori

Eu amo a animação de DanMachi. É algo muito bom de se ver e só aumenta a emoção durante as batalhas. Até mesmo em cenas calmas, ela faz um background muito bom. Às vezes, da vontade de rever esse tipo de cena, só para ver as partículas na tela passando lentamente.
A trilha sonora também é marcante. Só de ouvir o início da opening, já reconheço e simulo o resto dela na mente. Sabe quando uma música entra na cabeça e não sai mais? Então, é o caso dessa.

Composição de série
©J.C. Staff/Fujino Ōmori

O diretor, Yoshiki Yamakawa, fez uma ótima adaptação. O anime vai exatamente como a Light Novel, também tenho que dar créditos ao compositor de série, Hideki Shirane, pelo trabalho incrível. Afinal, ele fez o script do meu episódio favorito. Sinceramente, para a época, a equipe estava ótima e por fim, outra citação que definitivamente tenho que fazer é ao Naoyuki Konno, que também participou do meu episódio favorito, pelo Storyboard, no caso. O episódio em questão é o oitavo, a luta contra o Minotauro.

Recomendação aos nossos clientes
©J.C. Staff/Fujino Ōmori

A recomendação da sua cafeteria é que você veja esse anime maravilhoso. Sinceramente, a obra tem uma boa chance de segunda temporada e um filme para lançar em 2019. Tem tudo que qualquer fã de cenas emocionantes e uma boa aventura gosta.

É isso, satisfeito? Se não, confira o resto do nosso cardápio!
Antes de ir, uma perguntinha: “É errado pegar garotas em Dungeons?”.

Menu

Personagens: 2/2
Análise técnica: 2/2
Composição de série: 1/2
Obra original: 2/2
Proposta: 2/2

Nota final: 9 – Frappuccino

Posts relacionados