Animes Blog Reviews

Review: School Days

©TNK /Tome Okada
School Days – Descrição técnica 

Diretor: Keitaro Motonaga
Autor original: Tome Okada
Estúdio: TNK
Adaptado de: Visual Novel
Gênero: Drama, Harém, Romance, Vida escolar 

Personagens

Mais uma vez, o terror dos animes esta de volta para nos amedrontar. School Days conta com alguns personagens muito bem desenvolvidos, porém, isso não significa que você ira gostar dos mesmos.

©TNK /Tome Okada

Começando pelo nosso protagonista, Itou Makoto: um garoto muito inseguro consigo mesmo que é incapaz de declarar seus sentimentos para uma menina. A mesma “pega” o mesmo metrô que ele, porém depois da “ajuda” de sua colega de sala; Sekai, ele consegue se tornar o “terror” da escola.

Sekai o ajuda a conquistar Katsura no inicio, mas com o desenrolar da trama; vemos que essa não era bem a intenção da menina.

Merecem destaque: Sekai Saionji, Kotonoha Katsura
Surpreenderam: Makoto Itou
Poderiam ser mais aproveitados: Taisuke Sawanaga, Setsuna Kiyoura

Análise técnica 

O anime possui uma animação terrivelmente solta e inconsistente; em algumas sequências, os personagens são deformados – muito mais quando estão em planos gerais. O design é bastante genérico,  como se todos tivessem a mesma cara com apenas variantes no penteado, além de olhos gigantes e cabeças grandes.

©TNK /Tome Okada

Sinceramente, acho que o anime não se destaca; é medíocre por natureza e até mesmo sua música é inconsequente, não há peças graváveis e muitas das trilhas não combinam com o que esta acontecendo no momento (exceto a musica de morte do Makoto, aquela eu gostei).

Composição de série

O anime conta o dia a dia de Makoto Itou, um estudante do ensino médio, que, aparentemente, é apaixonado por uma menina que o mesmo encontra todo dia à caminho da escola. Vendo isso, sua amiga de sala, Sekai; resolve o ajudar nisso, porém, a ajuda vai um pouco além do normal.

©TNK /Tome Okada
Recomendação aos nossos clientes

Particularmente, não é nem um pouco recomendado esse anime. Eu mesmo fiquei traumatizado ao assistir pelas cenas agoniantes que eu presenciei; e, com toda certeza, quem assistir irá desejar a morte do protagonista.

©TNK /Tome Okada

Há gostos para tudo, e sim, você pode gostar da obra; mas para quem não gosta de um anime harém com muita traição, morte, drama, e um pseudo-estupro; o recomendado é que você se mantenha o mais longe possível.

Nota: 1 – Descafeinado 

Posts relacionados