Animes Blog Reviews

Review: Toradora!

©J.C. Staff/Takemiya Yuyuko
Toradora! – Descrição técnica

Diretor: Nagai Tatsuyuki
Autor original: Takemiya Yuyuko
Estúdio: J.C. Staff
Adaptado de: Light Novel
Gênero: Comédia romântica, Slice of Life

Personagens

Em uma obra de vida cotidiana, como é Toradora, considero indispensável a presença de bons e carismáticos personagens; afinal, não temos fantasias mirabolantes por trás, e toda a trama é movida primordialmente por eles. Felizmente, esse anime passa longe de pecar nesse aspecto, visto que os personagens, especialmente os cinco principais, são divertidos e caracterizados de maneira interessante.

De fato, a Taiga, principal ícone do anime, não conseguiu sua fama à toa. Ela é, certamente, uma das tsunderes mais bem-elaboradas entre os animes que já assisti. Isso porquê, enquanto grande parte das obras se contenta em apenas seguir os traços de personalidade à risca, essa autora se preocupou em justificar e trabalhar seu comportamento, sem deixar de lado seu maravilhoso alívio cômico. O protagonista Ryuuji não fica para trás, o contraste entre sua aparência e suas ações rende ótimas cenas.

©J.C. Staff/Takemiya Yuyuko | “Bela e intrigante, só faltou um pouco mais de destaque, hein, roteirista?”

Em contrapartida, meu único protesto nesse aspecto é a Ami, que, ironicamente, foi minha personagem favorita do anime. Ao passo que sua personalidade irônica ia me conquistando de pouco a pouco, seu desenvolvimento e tempo de tela acabaram sendo negligenciados. Uma pena…

Merecem destaque: Ryuuji Takasu, Aisaka Taiga
Surpreenderam: Kitamura Yuusaku
Poderiam ser mais aproveitados: Kawashima Ami

Análise técnica

Inegavelmente, uma das obras mais bem produzidas tecnicamente do estúdio J.C. Staff. Nota-se isso, sobretudo, pela sua quantidade consideravelmente grande de cenas fluidas, encontradas durante todo o anime. Com efeito, o diretor, que inclusive é o mesmo de AnoHana, se dá muito bem com esse tipo de história. Ele engrandece as cenas dramáticas, dispõe de um bom timing cômico gerencia bem as obras, mantendo-as consistentes.

©J.C. Staff/Takemiya Yuyuko

Ademais, o character designerTanaka Masayoshi, que, também exerceu essa função em AnoHana e Darling in the Franxx, é bem acima da média, tendo elaborado visuais característicos e agradáveis para os personagens, que condizem muito com a obra. Toradora! é de 2008, mas consegue ser mais bem produzido do que boa parte dos animes atuais.

Composição de série

Primeiramente, devo esclarecer que o enredo desse anime não é lá dos mais inovadoras já feitos. A trama principal, por exemplo, consiste basicamente de dois adolescentes, os quais gostam dos melhores amigos um do outro e tentam se ajudar mutuamente com seus respectivos “crushs”. É provável que 90% dos que leram essa frase sem assistir à obra já sabem com quem eles vão ficar no final.

©J.C. Staff/Takemiya Yuyuko | “A tigresa (Tora) e o dragão (Dora gon); ninguém sabe que fim vai levar o romance desses dois, né?”

No entanto, o que vende Toradora não é a premissa, mas sim a maneira como ela é trabalhada e as interações curiosas entre os personagens. Apesar de previsível, a autora soube desenvolver a história com desenvoltura; inserindo vários conflitos e sub-conflitos que mantém a trama em movimento. O final é fechado, e concluiu bem o romance e o enredo como um todo.

Recomendação aos nossos clientes

Poxa, cara, pleno 2018 e você ainda não assistiu Toradora? “Serião” mesmo?

©J.C. Staff/Takemiya Yuyuko

Brincadeiras à parte, essa obra é bastante conhecida no nicho otaku, por puro mérito. Mesmo que romances escolares não sejam de seu agrado, ainda assim, recomendo fortemente, porquanto sua história é bem-escrita e seus personagens são divertidos, peculiares e apegáveis.

Nota: 8 – Cappuccino

Posts relacionados