Análises Semanais Animes Blog

The Promised Neverland | Episódio 12: O que é que eu vou fazer com essa tal Liberdade?

©CloverWorks/Kaiu Shirai/Posuka Demizu | “O advento da Izabella”
The Promised Neverland | Episódio 11 –150146

*Nota: The Promised Neverland está sendo acompanhado semanalmente; ou seja, toda semana haverá uma análise.

E finalmente, caros leitores, chegamos para a análise do último episódio de The Promised Neverland e, meus amigos, que episódio! Veio para fechar bem essa primeira temporada. Lembrando que o anime teve confirmada a segunda temporada, que você pode ler clicando aqui, para saber maiores detalhes. Sem mais enrolação, vamos lá.

Esse último episódio de The Promised Neverland foi um prato cheio para quem estava ansioso por mais reviravoltas, bem como por mais carga dramática e, principalmente, se realmente as crianças conseguiriam escapar. E tivemos tudo isso neste episódio, meus caros nobre leitores. Além disso, a crescente narrativa desse episódio foi interessante do inicio ao fim.

Pra começar, não teve a abertura do anime neste episódio. Por aí você já pode ter uma noção de que eles iriam aproveitar cada segundo do tempo da obra para escancarar bem na sua cara, como diria a música, situações nas quais nos deu bastante orgulho e felicidade ao ver as crianças conseguirem fugir.

Ademais, vemos as muitas situações deixadas para trás de maneira a nos impactar. Isso foi na verdade uma perspectiva errada que estávamos vendo. Por trás dos panos existia alguém orquestrando tudo e que tornou tudo isso possível: Norman. Esse moleque roubou a cena. Todo o plano de fuga passou por suas mãos, e mesmo sabendo que seria capturado, desenvolveu um plano para ser executado somente daqui a dois meses, a partir do momento de ser levado e de ser morto pelos demônios.

Devo destacar aqui o Phill God, que foi uma criança que desde o início se mostrou ser bem esperta para a sua idade, de modo que ele foi de suma importância para também a execução dos planos. Por isso que eu quero muito que esse personagem tenha destaque na segunda temporada. Que personagem! Contudo, como falei, o Norman planejou todo esse plano antes de sua morte e a deixou com Emma. E ela a executou com maestria, digna de uma líder nata. Simplesmente ótimo.

Contudo, a revelação da Mama Izabella, meus amigos, que demais. Toda as lembranças dela, da época de infância, acompanhadas de uma trilha sonora que se encaixou muito bem nesta cena, deu todo tom dramático para tal. Vemos que ela já tentou escapar uma vez, assim como as crianças fizeram, mas ao contrário delas, Izabella desistiu e decidiu se tornar uma Mamãe.

E é nesta parte que temos uma revelação pra lá de inesperada. Lembra que eu falei na review passada, sobre quem seria o filho da Izabella, já que para ser uma mamãe ela tem que ser, literalmente uma mamãe: tem que dar a luz a uma criança. E neste episódio descobrimos isso, da melhor maneira possível.

Tudo foi muito bem construído para culminar justamente aqui, nesta parte de arrepiar. Não vou contar quem é o filho da Izabella, mas já tinha alguns indícios disso em episódios anteriores da relação entre ambos, quando ele trabalhava para ela como espião.

Enfim, esse episódio foi incrível do início ao fim. Ele te prende de uma maneira que te deixa mais e mais curioso para saber o que virá a seguir. E a felicidade quando parte das crianças conseguiram a liberdade? Foi incrível. Mas e as outras crianças? Os bebês e os menores? Bem, eles ficaram para trás, mas tudo parte do plano. E um grande recado é dado por Emma: “Fugir daqui foi o primeiro passo. Vamos salvar o Phill e as outras fazendas”. Esse sem dúvidas, foi o melhor episódio do anime.

Obs.:Teremos uma análise da temporada por completa aqui no Café Stile, então fique ligado nos próximos dias aqui no site para ver este resumão/review da primeira temporada de The Promised Neverland.

Obs. 2: O CG da casa despencando por causa do incêndio ficou feia demais. Faltou dar uns barões, para fazer um desenho descente nesta parte.

Nota: S – Bolo com duplo recheio

©Shaft/Naoshi Komi | “Esse episódio foi tão maravilhoso quanto a Chitoge!”

The Promissed Neverland está em simulcast pelo serviço de streaming Crunchyroll e também pelo HiDive.

Posts relacionados